Mostra do Museu da Inconfidência segue até 31 de maio na Sala Manoel da Costa Athaide

maio 18, 2009

Apesar de restarem ainda alguns dias para o fim da exposição “A Inconfidência Mineira no contexto da Revolução Francesa”, realizada pelo Museu da Inconfidência, a mostra já está entre as mais visitadas dentre as realizadas pela instituição. Grande público, dentre autoridades nacionais e francesas, além da população em geral, já conferiu o trabalho que insere o Museu nas comemorações do Ano da França no Brasil.

Dentre as peças que compõem o significativo acervo, está a tela de Pedro Américo “Tiradentes Supliciado” ou “Tiradentes Esquartejado”, como também é conhecida. Produzida em 1893, foi alvo de inúmeras críticas pela forma como apresenta o mártir da recém-proclamada república. A tela, que hoje pertence à Fundação Museu Mariano Procópio (Juiz de Fora), faria parte de uma narrativa sobre a Conjuração Mineira formada por mais quatro quadros que, no entanto, não saíram do esboço.

Proveniente do mesmo museu, a figura de Tiradentes também está representada por meio de um busto em bronze e madeira e uma tela, ambos de Décio Villares, e de uma escultura em gesso patinado, de Modestino Kanto. Todas as peças são originárias do século XX.

Destaque também para as telas “Martírio de Tiradentes”, de Aurélio de Figueiredo, pertencente ao Museu Histórico Nacional; “A leitura da sentença de Tiradentes”, de Leopoldino Faria, propriedade da Câmara de Ouro Preto; e “D. Maria I”, Rainha de Portugal, responsável pela condenação à morte de Tiradentes, do acervo do próprio Museu da inconfidência.

A exposição apresenta ainda obras de autores como Charles Montesquieu e Cláudio Manoel da Costa, que influenciaram o movimento, documentos como o mandado de execução da sentença de Tiradentes, além de objetos pessoais do inconfidente, como um relógio de bolso. O público tem a oportunidade também de assistir a um vídeo sobre a Inconfidência Mineira.

A mostra tem visitação gratuita e pode ser conferida até o dia 31 de maio, de terça-feira a domingo, das 12h às 18h. A Sala Manoel da Costa Athaide fica na rua Vereador Antônio Pacheco, 33, ao lado do Museu da Inconfidência.

Foto: Aldo Araújo

Foto: Aldo Araújo

Anúncios

Uma resposta to “Mostra do Museu da Inconfidência segue até 31 de maio na Sala Manoel da Costa Athaide”

  1. aline said

    é muito interessante la vale apena ir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: