Sala Manoel da Costa Athaíde recebe exposição de Vandico

agosto 27, 2008

 

 

Está aberta desde a última sexta-feira, 22, na Sala Manoel da Costa Athaíde, Anexo I do Museu da Inconfidência uma exposição de pinturas de um dos maiores cronistas da vida ouropretana, Vanderlei Alexandre da Silva, o Vandico. Assim como o verso, a prosa e a música desse artista multimídia, as 22 telas reunidas na mostra revelam uma Ouro Preto filtrada por um olhar cuidadoso e apaixonado. “Sou suspeito para falar sobre a cidade, que sempre me fascina prazerozamente a cada novo olhar. Nasci, cresci e quero morrer em Ouro Preto”, diz Vandico, que começou a pintar ainda na infância, época em que ganhava restos de tinta do primo pintor Eugênio Diogo e observava o trabalho de Alberto da Veiga Guignard nas ruas da velha capital mineira.

Na exposição, grande parte das telas são dedicadas às fachadas do casario de Ouro Preto. “Quando olho para as casas com seu colorido lúgubre e cansado parece que elas conversam entre-si”, conta acrescentando que nem sempre as fachadas retratadas correspondem a modelos reais. “Não pinto baseado no que vejo, mas no que sinto, e isso vale para as casas” explica Vandico que é autor de “Jacubas e Mocotós”, livro de crônicas sobre fatos e personagens pitorescos da Ouro Preto do século XX.

 

Apaixonado por Ouro Preto, Vandico diz que pinta a cidade que sente, não a que vê

 

 Entre outros temas, aparecem na exposição vasos de flores e retratos de tipos como músicos e fiandeiras. Num deles Vandico faz referência à cadela Branquinha, uma das habitantes mais queridas do bairro do Pilar e figura constante nos arredores da Matriz, que também é representada na mostra. “Para mim a pintura é um dom de Deus. Agradeço a Ele por ter me dado essa doce cruz”, declara.

A exposição das pinturas de Vandico acontece até 21 de setembro e pode ser visitada de terça a domingo de 12h às 18h.

 

    

Anúncios

Uma resposta to “Sala Manoel da Costa Athaíde recebe exposição de Vandico”

  1. Alicinda Pereira said

    Em visita a Ouro Preto,conheci Branquinha e a maneira que as pessoas cuidam dela.Uma lição para todos.Sou gaúcha,moro em Gravataí e sou Bióloga.Parabéns,amei a atitude de vocês!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: